segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

Receita de Ano Novo...

E já se acabou mais um ano...
2007 tem as suas últimas horas e nesse momento pensamos no nosso rendimento do ano, no que foi feito, no que se foi deixado para trás e também nas nossas conquistas... quando revemos as coisas, descobrimos que deixamos alguns sonhos abandonados, mas que devemos, se quisermos conquistá-lo, nos esforçar mais, nos doar mais, nos empenhar mais, para que no fim do próximo ano tenhamos mais conquistas do que sonhos deixados... dificuldades sempre teremos, mas a nossa vontade própria de conquista deve ser maior do que o desânimo.... Um comercial tem passado um poema de Drumond... perfeito para essa ocasião e feito para a mesma também... que ele nos sirva de inspiração para o Ano que vai começar... e tem tudo para ser muito bom!!!

Receita de Ano Novo
(Carlos Drumond de Andrade)


Para você ganhar belíssimo Ano Novo cor de arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido (mal vivido talvez ou sem sentido)
Para você ganhar um ano não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, mas novo nas sementinhas do vir-a-ver, novo até no coração das coisas menos percebidas (a começar pelo seu interior) novo, espontâneo, que de tão perfeito se nota, mas com ele se come, se passeia, se ama, se compreende, se trabalha, você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita, não precisa expedir nem receber mensagens(planta ou recebe mensagens? passa telegramas?).
Não precisa fazer lista de boas intenções para arquivá-las na gaveta. Não precisa chorar de arrependido pelas besteiras consumadas nem parvamente acreditar que por decreto da esperança a partir de janeiro as coisas mudem e seja tudo claridade, recompensa, justiça entre os homens e as nações, liberdade com cheiro e gosto de pão matinal, direitos respeitados, começando pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um ano-novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.

Que o seu Ano Novo seja cheio de conquistas, realizações e muita vontade é iniciativa para conquistar cada um dos sonhos planejados...

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

E é sempre como sempre... e é bom... muito bom!

E foi assim que aconteceu... a gente se reuniu, se divertiu e foi como sempre!

Eu, a minha vó e a minha árvore de Natal... linda né?


Os primos e a vó...


A Dé, a Marilia e eu... A Dé tá grávida e estamos felizes pra caramba... o ano que vem teremos um baby pra apertar!!!

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Merry Christmas...

Natalll...
Ahhh como as coisas passam rápido... mas um Natal já se foi e o Ano Novo está beirando os nossos dias... por isso precisamos aproveitar os momentos e as oportunidades... li uma frase esses dias que diz assim: "cada dia é uma pequena vida"... e nada mais verdadeiro e preciso que essas palavras... Meu Natal foi tranquilo... sem nenhuma novidade, mas interessante como sempre... a familia reunida, o pernil da vó... as risadas das velhas piadas... nada como reunir os primos que estavam longe e contar as mesmas e novas histórias... pode parecer besteira que isso seja interessante, mas gosto tanto disso... de todos reunidos e das nossas conversas... que não troco isso por nada... (por nada também não!!! rs...) Mas o pior desse Natal foi responder pra todo mundo a mesma pergunta: e agora que você acabou a facul vai fazer o que? SEI LÁ!!! rs... tenho planos, pretenções, mas nada exato... certo... tenho alguns sonhos, alguns desejos... mas o ano efetivamente precisa começar pra eu ver a direção que vou tomar... quanto mais me perguntavam, mas certa eu ficava das respostas e menos certa das certezas! rs... mas tudo bem... direito de perguntar... e quando eles tiverem na mesma situação, não vou aliviar, e vou perguntar as mesmas coisas... rs... Bom, logo terei fotos pra colocar e mais coisas pra contar, dos meus últimos dias em bauru (efetivamente...) Só posso adiantar que chorei muito, e senti muita, mas muitas saudades...

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

E foi 10!!!!

E foi 10!!!!
Apresentei a minha banca sobre o meu TCC: Transformando crises em oportunidades: como o profissional de Relações Públicas pode gerir um momento de crise! E foi show de bola... fiquei bem nervosa, mas dei conta do recado... fui muito elogiada e uma das professores me disse: "depois de ler o seu trabalho, fica claro o que você quer da vida... você fala com propriedade sobre o assunto, e não deve parar de estudar... você fala bem, escreve bem e as suas idéias são muito claras... não tenho dúvidas de que você já é uma profissional!!!"

Fazer o quê???
rs...